Seminários de Ciências Atmosféricas

Data: 
12/06/2015 - 14:00
Local: 
Auditório 1 do IAG (Rua do Matão, 1226, Cidade Universitária)

O Departamento de Ciências Atmosféricas apresenta três seminários:
 
 
Análise diagnóstica de um sistema de precipitação intensa na faixa leste de São Paulo
Palestrante: Rafael Cesario de Abreu
Resumo: O evento de precipitação severa que ocorreu em janeiro de 2011 e ocasionou no alagamento da cidade de Franco da Rocha é de grande interesse devido aos elevados acumulados registrados. A partir disso, pretende-se determinar as principais fontes de umidade que contribuíram para o evento em questão, além de analisar os principais sistemas atuantes de escala sinótica e mesoescala na busca de um maior entendimento sobre os diversos processos físicos que atuaram na formação e desenvolvimento do sistema. Para tanto, são utilizados dados do Global Forecast System/Final nalysis (GFS/FNL) e imagens de satélite do Geostationary Satellite Server (GOES-12). Para uma análise mais detalhada é realizada uma simulação com o Advanced Regional Prediction System (ARPS) com 25 km de espaçamento de grade. Os resultados mostram que o transporte de umidade integrado verticalmente possui uma contribuição das latitudes mais baixas para a região de interesse. No entanto, segundo a análise sinótica, a formação de um centro de baixa pressão tornou gradativamente mais importante a umidade trazida do oceano. A simulação ARPS mostrou-se eficiente na simulação da região preferencial de precipitação que é na Serra do Mar, e os processos associados com a barreira orográfica que intensificaram os movimentos ascendentes na região. Diante do exposto, foi concluído que no evento em questão há uma interação de diversos sistemas de escalas meteorológicas diferentes que contribuem para os elevados acumulados de precipitação.
 
Climatologia da Coluna Total de Ozônio sobre São Paulo
Palestrante:Kátia Mendes Barros
Resumo:O objetivo deste trabalho foi analisar a climatologia da coluna total de ozônio (TOC, do inglês, total ozone column) sobre a região metropolitana de São Paulo. Dados diários de TOC foram obtidos da NASA (National Aeronautics and Space Administration), dos instrumentos TOMS, a bordo dos satélites Nimbus 7 (11/1978 a 05/1993), Meteor 3 (08/1991 a 07/1994) e Earth Probe (07/1996 a 12/2005) e do instrumento OMI, a bordo do satélite Aura (10/2004 a 12/2014). Observou-se uma variabilidade sazonal bem definida: mínimos no outono e máximos na primavera, com tendência de diminuição da TOC em todas as estações do ano, sendo esta mais acentuada durante a primavera.
 
A high-resolution weather station network in a complex terrain catchment to improve hydrometeorological forecast and water supply for the São Paulo megacity
Palestrante: Thomas Christina Marcel Martin
Resumo: A high-resolution wireless network of automatic meteorological weather stations (Vaisalla WXT520, Finland), about 200m spaced, was installed in a 12km−2 watershed, in a hilly landscape, with altitudes varying between 1100 to 1400 m, at Extrema city, MG state, in Brazil, with the purpose to measure the spatio-temporal variability and mesoscale processes, which includes the heterogeneities of air temperature and humidity, and wind circulations controlled by the topography. The catchment is strategically important, located at the headwaters of the Cantareira reservoir system, which provides half the water for the São Paulo megacity. The measurements will help to improve specification of initial conditions in Regional Climate Models designed for weather forecasting, building of hydroclimatological data set used in models of catchment water balance, and investigation of the effect of global climate changes in mountain regions, among others. First measurements suggest the occurrence of 3m.s−1 up-slope wind (1m.s−1 down-slope), with regimes of temperature 2◦C warmer (4◦C colder) on the valley during the daytime (night-time). The air humidity is higher down the valley and reaches two maxima at 12am and 7pm, and minima at 6am and 3pm. Despite it is a small watershed, previous data collected during four years with 4 rain gauges show a difference of annual rainfall of about 200 mm/yr higher in the headwaters compared to the mouth of the stream. The basin is North-South orientated, and is affected by differential heating between the West and East slopes up to 1.5◦C. We show spatio-temporal patterns of weather variables for different synoptic conditions of wind and incoming radiation. We run a very high resolution (100m) Advanced Regional Prediction System (ARPS) model, used the Large Eddy Simulation (LES) mode, and compared to observations. The calculations represented relatively well the local wind circulation and the patterns of temperature and humidity within the watershed.