O SISTEMA SOLAR

Uma das estrelas que forma o grupo Local de Estrelas é o Sol, e em torno dele giram os nove planetas conhecidos bem como seus séquitos de satélites. O Sistema Solar é formado pelos seguintes planetas com seus respectivos satélites:

 

Planeta           Satélites

Mercúrio        não possui

Vênus            não possui

Terra              Lua

Marte              Fobos
                        Deimos

Júpiter            Io
                        Europa
                        Ganimedes
                        Calisto
                        Amaltea
                        Himalia
                        Elara
                        Pasifae

                       
Sinope
                        Lisitea
                        Carme
                        Ananke
                        Leda
                        Tebe
                        Adrastea
                        Metis

Saturno          Mimas
                        Enceladus
                        Tetis
                        Dione
                        Rea
                        Titan
                        Hiperion
                        Japetus
                        Febe
                        Janus
                        Epimeteus
                        Helene
                        Telesto
                        Calipso
                        Atlas
                        Prometeu
                        Pandora
                        Pan

Urano             Ariel
                        Umbriel
                        Titania
                        Oberon
                        Miranda
                        Cordelia
                       
Ofélia
                        Bianca
                        Cressida
                       
Desdêmona
                        Juliet
                        Portia
                        Rosalind
                        Belinda
                        Puck

Netuno            Triton
                        Nereida
                        Naiad
                        Talassa
                        Despina
                        Galatea
                        Larissa
                        Proteus

Plutão             Caronte

Além dos planetas e dos satélites, giram, em torno do Sol, os asteróides (milhares conhecidos e provavelmente muitos milhares ainda não descobertos) os cometas (milhares conhecidos e cerca de uma centena de bilhões ainda não observados).

Restos de cometas e fragmentos de asteróides também giram em torno do Sol, recebendo o nome de meteoróides, Quando um meteoróide entra na atmosfera da Terra ele se aquece podendo até emitir luz; ele recebe o nome de “estrela cadente” ou meteoro. Se um meteoro consegue sobreviver ao atrito da travessia da atmosfera e atinge o solo, ele passa a ser conhecido como meteorito.

Por entre os planetas existe matéria na forma de gases e poeiras, e que recebe o nome de matéria interplanetária.

SOL

É a estrela em torno da qual giram os planetas do Sistema Solar. Sua composição química é principalmente de gás hidrogênio (75%), de gás hélio (24%) e traços de diversos outros gases. Seu diâmetro é de cerca de 1.392.000 km e sua massa é de 332.946 vezes a massa da Terra. A temperatura na superfície visível do Sol (chamada de fotosfera) é de cerca de 6000 °C, enquanto que ela atinge cerca de 15 milhões de °C perto de seu centro onde ocorrem as reações de fusão nuclear que são as responsáveis pela geração da energia (luz e calor) que ele emite. Apesar de não ser, geralmente, visível a olho nu, sabe-se que em torno do Sol existem duas regiões: a cromosfera e a coroa solares. São regiões muito pouco densas, que podem ser vistas durante alguns instantes da fase de eclipse solar total. Admite-se que a idade do Sol seja de cerca de 4,6 bilhões de anos, que é também a idade do resto do Sistema Solar.

MERCÚRIO

É um planeta que gira em torno do Sol com a segunda órbita mais elíptica de todos os planetas do Sistema Solar (excentricidade de 0,2056). Por isso, sua distância ao Sol varia bastante ao longo de sua órbita:

Distância ao Sol:      Mínima:          0,3075 UA
                                                Média             0,3871 UA
                                                Máxima          0,4667 UA

 UA = 149.597.870 km = Unidade Astronômica: é a distância média da Terra ao Sol. É o semi-eixo maior da órbita da Terra em torno do Sol.

Mercúrio tem  massa muito pequena (0,055 da massa da Terra), e portanto sua gravidade superficial também é pequena (36% da gravidade terrestre). Como é o planeta mais próximo ao Sol, durante o dia de Mercúrio a temperatura em sua superfície chega a 550 °C. À noite, ela pode cair a -200 °C. Por causa da pequena gravidade superficial e da grande temperatura diurna, quase toda atmosfera que Mercúrio possa ter tido no início de sua formação, já se dissipou no espaço interplanetário. O Ano de Mercúrio tem 87,97 dias nossos e o Dia de Mercúrio dura 58,65 dias terrestres. O diâmetro de Mercúrio tem 38% do diâmetro terrestre.

A composição química de Mercúrio é muito parecida com a da Terra: silicatos e basaltos. A maior parte das crateras existentes em sua superfície foram causadas por meteoritos que caíram no planeta, principalmente na fase inicial de sua vida. A idade de Mercúrio é de cerca de 4,6 bilhões de anos. Mercúrio é um dos dois planetas do Sistema Solar que não possuem satélites naturais.

VÊNUS

Também conhecido como Estrela d’ Alva, Vênus é um planeta facilmente visível a olho nu logo após o pôr do Sol ou pouco antes do nascer do Sol, e nunca muito afastado do Sol. Sua órbita elíptica em torno do Sol é a menos excêntrica dentre todos os planetas (excentricidade de 0,0068), parecendo quase circular:

Distância ao Sol:      Mínima:          0,7184 UA
                                               Média             0,7233 UA
                                               Máxima          0,7282 UA

UA = 149.597.870 km = Unidade Astronômica: é a distância média da Terra ao Sol. É o semi-eixo maior da órbita da Terra em torno do Sol.

É o planeta que tem a massa (0,815 da massa da Terra), o diâmetro (97% do diâmetro da Terra), e a gravidade superficial (87% da gravidade terrestre) mais parecidos com os da Terra. Muitas vezes é chamado de planeta irmão da Terra. A composição química de Vênus é muito parecida com a da Terra: silicatos e basaltos. Sua atmosfera é que se diferencia bastante da nossa: 96,4% de gás carbônico, 3,4% de nitrogênio e muito pouco vapor d’ água. É um local impossível para a sobrevivência do ser humano. Essa atmosfera, por causa do gás carbônico, exerce a função de uma estufa (deixa entrar luz, mas não deixa sair calor) mantendo a temperatura em sua superfície por volta de 470 °C. A pressão atmosférica em sua superfície corresponde a 90 vezes a pressão de nossa atmosfera.

O Ano de Vênus tem 224,7 dias nossos e o Dia de Vênus dura 243 dias terrestres. Isso indica que o Dia venusiano é mais longo do que o Ano venusiano. A idade de Vênus é de cerca de 4,6 bilhões de anos. Vênus, junto com Mercúrio, é um dos dois planetas do Sistema Solar que não possui satélites naturais.

TERRA

É o terceiro planeta que se encontra quando nos afastamos do Sol. Possui uma órbita pouco elíptica (excentricidade de 0,0167) ocasionando pequena variação na sua distância até o Sol:

Distância ao Sol:      Mínima:          0,9833 UA
                                               Média             1,0000 UA  
                                               Máxima          1.0176 UA

UA = 149.597.870 km = Unidade Astronômica: é a distância média da Terra ao Sol. É o semi-eixo maior da órbita da Terra em torno do Sol.

Com um diâmetro de 12.756,280 km, a Terra tem uma massa de 5,974 sextilhões de toneladas. Parece grande, mas é 332.946 vezes menor do a massa do Sol. A Terra é composta principalmente de silicatos e basaltos, com uma atmosfera onde predomina o nitrogênio (78% das partículas) 21% de oxigênio, 1% de vapor d’ água e traços de outros elementos tais como argônio e gás carbônico. A aceleração da gravidade em sua superfície, que muitas vezes é chamada de gravidade superficial, e que é responsável pelo peso das coisas que estão perto da superfície da Terra, vale cerca de 9,8 m/s2.

O Dia Sideral Terrestre é o tempo que a Terra leva para dar uma volta em torno de seu eixo; vale cerca de 23 horas, 56 minutos e 04 segundos. O Dia Solar Terrestre é o tempo que o Sol parece levar para passar duas vezes consecutivas pelo meridiano de um local. Esse dia, tem , por definição, 24 horas. O Ano Terrestre, que corresponde ao tempo que a Terra leva para dar uma volta em torno do Sol, tem cerca de 365,25 dias solares terrestres.

A idade da Terra é igual ao do resto do Sistema Solar: cerca de 4,6 bilhões de anos. A Terra possui um único satélite natural que é a Lua. Ela dista, em média, 384.400 km da Terra. Seu diâmetro é cerca de 27,25% do diâmetro terrestre e sua massa é 81 vezes menor que a massa da Terra. Não possui atmosfera para protegê-la do impacto de meteoritos, e é por isso que sua superfície está cravejada de crateras de impactos de meteoritos. Possui a mesma idade da Terra.

MARTE

Também conhecido como Planeta Vermelho por sua coloração, Marte é um planeta facilmente visível a olho nu. Sua órbita elíptica em torno do Sol (excentricidade de 0,0068) foi determinada inicialmente por Kepler, no século XVII:

Distância ao Sol:      Mínima:          1,3814 UA  
                                               Média             1,5237 UA  
                                               Máxima          1,6660 UA

UA = 149.597.870 km = Unidade Astronômica: é a distância média da Terra ao Sol. É o semi-eixo maior da órbita da Terra em torno do Sol.

Sua massa é de apenas 10,7% da massa da Terra; seu diâmetro é de 53% do diâmetro da Terra; sua gravidade superficial é de 38% da gravidade terrestre. A composição química de Marte é muito parecida com a da Terra: silicatos e basaltos. Sua atmosfera, bastante tênue, é composta basicamente de gás carbônico. A sobrevivência humana só será possível em Marte dentro de redomas lacradas no interior das quais se crie uma atmosfera parecida com a da Terra. Essa atmosfera tênue e a distância até o Sol, fazem com que sua temperatura varie entre 20 °C durante e -140 °C à noite. A pressão atmosférica em sua superfície é 1000 vezes menor do que a pressão de nossa atmosfera.

Seu solo está cheio de crateras, a maior parte das quais formadas por impactos de meteoritos. Existem também vulcões, atualmente extintos. O Ano de Marte tem 1,88 anos terrestres e a duração do Dia de Marte, com 24 horas e 37 minutos, é muito parecida com a do dia terrestre. A idade de Marte é de cerca de 4,6 bilhões de anos. Marte possui 2 pequenos satélites naturais: Fobos ( diâmetro de 9 km) e Deimos (diâmetro de 23 km).


CINTURÃO DE ASTERÓIDES

Entre as órbitas de Marte e de Júpiter existe uma faixa povoada por muitos asteróides, que são pedras que giram em torno do Sol. Vários milhares deles já são conhecidos, mas estima-se que devam ser muito mais, talvez centenas de milhares. Alguns desses asteróides têm diâmetros muito grandes, por exemplo:  


Ceres            1003 km
Palas             608 km  
Vesta             538 km  
Hygiea           450 km

  Os asteróides são também chamados de Planetóides ou Pequenas Planetas. Existem diferentes tipos de asteróides, mas a maioria é do tipo C nos quais predominam os carbonáceos; eles contêm também água. Já os asteróides de tipo S são mais ricos em ferro, níquel e silicatos. Sua origem ainda é pouco conhecida, mas admite-se que alguns devam ser fragmentos de alguns corpos maiores, talvez até de planetas, que tenham se desmembrado. Não se descarta a possibilidade de que alguns sejam restos (núcleos) de cometas que perderam seus materiais voláteis (gelos de água e de gás carbônico, p.e.).

Pelo menos um asteróide possue satélite: Ida (55 km de diâmetro) tem o satélite Dactyl (1,6 km de diâmetro) orbitando em torno dele acerca de 100 km.

JÚPITER

Júpiter é um dos planetas mais facilmente visíveis a olho nu, apresentando uma coloração bem azulada. Sua órbita em torno do Sol tem excentricidade de 0,0484, o que faz sua distância até o Sol variar entre:

Distância ao Sol:      Mínima:          4,9510 UA
                                               Média             5,2028 UA
                                               Máxima          5,4546 UA

UA = 149.597.870 km = Unidade Astronômica: é a distância média da Terra ao Sol. É o semi-eixo maior da órbita da Terra em torno do Sol.

É o maior planeta do Sistema Solar. Sua massa é 318 vezes maior do que a massa da Terra; seu diâmetro é 11,19 vezes o diâmetro da Terra. A composição química de Júpiter é muito diferente da composição da Terra: gás hidrogênio (90% da matéria do planeta), hélio (10%) e traços de gás metano, gás amônia e um pouco de vapor d’ água. É um planeta predominantemente gasoso, de modo que basicamente não possui chão. A sobrevivência seria impossível em Júpiter. A enorme distância até o Sol, faz com que sua temperatura seja muito baixa: por volta de -100 °C.

O Ano de Júpiter tem 11,86 anos terrestres. Já a duração do Dia de Júpiter depende do lugar em que se considera: perto do equador jupiteriano, o dia tem cerca de 9 horas e 50 minutos, mas perto dos pólos jovianos (joviano é uma outra maneira de se referir ao planeta Júpiter) o dia dura mais tempo. Isso ocorre porque Júpiter não é rígido, mas sim gasoso, e cada parte pode girar com velocidade ligeiramente diferente da parte que lhe está mais próxima. A idade de Júpiter é de cerca de 4,6 bilhões de anos.

Júpiter possui mais de 16 satélites naturais. Os 4 maiores satélites de Júpiter (Ganimedes, Calixto, Io e Europa) foram descobertos pelo Galileu Galilei no século XVII com a primeira luneta astronômica. O satélite Ganimedes é o maior do Sistema Solar, com diâmetro de 5268 km, que corresponde a quase a metade (41%) do diâmetro da Terra. No satélite Io foram observados vários vulcões em atividade. Suas erupções foram as primeiras observadas fora da Terra. A superfície de Europa parece cobrir um mar gelado. Talvez seja composto parcialmente por água, sendo, então, um bom local para se procurar algum tipo de organismo vivo extra-terrestre. Se houver, deve ser algum tipo de vida muito simples: bactérias ou líquens.

Júpiter possui também anéis compostos por poeira muito fina originária de colisões de micro-meteoritos. Esses anéis só puderam ser fotografados por telescópios espaciais pois são muito tênues.

SATURNO

Saturno é um planeta visível a olho nu, com uma coloração amarelada. Sua órbita em torno do Sol tem excentricidade de 0,0557, o que faz sua distância até o Sol variar entre:

Distância ao Sol:      Mínima:          9,0075 UA
                                               Média             9,5388 UA
                                               Máxima          10,0701 UA

UA = 149.597.870 km = Unidade Astronômica: é a distância média da Terra ao Sol. É o semi-eixo maior da órbita da Terra em torno do Sol.

É o segundo maior planeta do Sistema Solar. Sua massa é 95,2 vezes maior do que a massa da Terra, e seu diâmetro é 9,47 vezes o diâmetro da Terra. A composição química de Saturno parecida com a de Júpiter e bastante diferente da composição da Terra: gás hidrogênio (97% da matéria do planeta), hélio (3%) e traços de gás metano, gás amônia e um pouco de vapor d’ água. É um planeta predominantemente gasoso, de modo que basicamente não possui chão. A sobrevivência humana seria impossível em Saturno. A enorme distância até o Sol, faz com que sua temperatura seja muito baixa: por volta de -140 °C.

O Ano de Saturno tem 29,4577 anos terrestres; a duração do Dia de Saturno tem cerca de 10 horas e 14 minutos. A idade de Saturno é de cerca de 4,6 bilhões de anos. Saturno possui mais de 18 satélites naturais.O satélite Titan é o único satélite do Sistema Solar com uma atmosfera; é composta basicamente de gás metano, que é um dos componentes da gasolina. Saturno possui um magnífico sistema de anéis. São cerca de mil anéis concêntricos, compostos por pedras, recobertas ou não de gelo e de gelo seco (gelo de gás carbônico) e de poeira. Imagina-se que esses anéis se formaram de matéria que sobrou depois da formação do planeta. Podem ter, também, componentes de algum satélite que se fragmentou depois de sua formação.

URANO

Urano não é um planeta visível a olho nu. Sua órbita em torno do Sol tem excentricidade de 0,0472, o que faz sua distância até o Sol variar entre:

Distância ao Sol:      Mínima:          18,2766 UA
                                               Média             19,1820 UA
                                               Máxima          20,0874 UA

UA = 149.597.870 km = Unidade Astronômica: é a distância média da Terra ao Sol. É o semi-eixo maior da órbita da Terra em torno do Sol.

É o terceiro maior planeta do Sistema Solar. Sua massa é 14,6 vezes maior do que a massa da Terra, e seu diâmetro é 3,69 vezes o diâmetro da Terra. A composição química de Urano parecida com a de Júpiter e bastante diferente da composição da Terra: gás hidrogênio (83% da matéria do planeta), hélio (15%), gás metano (2%), e traços de outros gases. É um planeta predominantemente gasoso, de modo que basicamente não possui chão. A sobrevivência humana seria impossível em Urano. A enorme distância até o Sol, faz com que sua temperatura seja muito baixa: por volta de -200 °C.

O Ano de Urano tem cerca de 84 anos terrestres; a duração do Dia de Urano tem cerca de 10 horas e 49 minutos. A idade de Urano é de cerca de 4,6 bilhões de anos. Urano possui mais de 15 satélites naturais. Urano possui um sistema com pelo menos 11 anéis concêntricos. São compostos por algum material muito escuro, provavelmente pedras de 1 metro de diâmetro recobertas por moléculas orgânicas.

NETUNO

Netuno não é um planeta visível a olho nu. Sua órbita em torno do Sol tem excentricidade de 0,0086, o que faz sua distância até o Sol variar entre:

Distância ao Sol:      Mínima:          29,7993 UA
                                               Média             30,0578 UA
                                               Máxima          30,3163 UA

UA = 149.597.870 km = Unidade Astronômica: é a distância média da Terra ao Sol. É o semi-eixo maior da órbita da Terra em torno do Sol.

É o quarto maior planeta do Sistema Solar. Sua massa é 17,2 vezes maior do que a massa da Terra, e seu diâmetro é 3,50 vezes o diâmetro da Terra. A composição química de Netuno parecida com a de Júpiter e bastante diferente da composição da Terra: gás hidrogênio (74% da matéria do planeta), hélio (25%), gás metano (1%), e traços de outros gases. É um planeta predominantemente gasoso, de modo que basicamente não possui chão. A sobrevivência humana seria impossível em Netuno. A enorme distância até o Sol, faz com que sua temperatura seja muito baixa: por volta de -200 °C.

O Ano de Netuno tem cerca de 165 anos terrestres; a duração do Dia de Netuno tem cerca de 15 horas e 40 minutos. A idade de Netuno é de cerca de 4,6 bilhões de anos. Netuno possui mais de 8 satélites naturais. Netuno possui um sistema com pelo menos 4 anéis concêntricos. São compostos provavelmente por poeira.

PLUTÃO

Plutão não é um planeta visível a olho nu. Mesmo com telescópios sua visibilidade é muito fraca. Sua órbita em torno do Sol tem a maior excentricidade dentre os planetas do Sistema Solar: 0,2502, o que faz sua distância até o Sol variar entre:

Distância ao Sol:      Mínima:          29,5711 UA
                                               Média             39,4387 UA
                                               Máxima          49,3063 UA

UA = 149.597.870 km = Unidade Astronômica: é a distância média da Terra ao Sol. É o semi-eixo maior da órbita da Terra em torno do Sol.

Com essa grande excentricidade, podemos notar que em alguns trechos de sua órbita, Plutão está mais perto do Sol do que Netuno. Isso significa que nem sempre Plutão é o planeta mais distante do Sol. Quando desenhados num plano, parece que as órbitas de Plutão e de Netuno se cruzam; na verdade elas não estão num mesmo plano, de modo que não pode haver choques entre os dois planetas.

É o menor planeta do Sistema Solar. Sua massa é de 0,25% da massa da Terra, e seu diâmetro é 18% do diâmetro da Terra. A composição química de Plutão ainda é mal conhecida, mas admite-se ser uma rocha recoberta por gelo de água e de gás carbônico.. A sobrevivência humana seria impossível em Plutão. A enorme distância até o Sol, faz com que sua temperatura seja abaixo de -200 °C.

O Ano de Plutão tem cerca de 248 anos terrestres; a duração do Dia de Plutão tem cerca de 6 dias e 10 horas. A idade de Plutão é de cerca de 4,6 bilhões de anos. Plutão possui apenas 1 satélite natural: Caronte, com diâmetro de 1186 km.