Arqueologia Galáctica: As estrelas como registros fósseis que revelam a evolução da nossa Galáxia

Data: 
22/08/2019 - 12:00 - 13:00
Local: 
Auditório 2 (P218) (bloco principal)

Arqueologia Galáctica: As estrelas como registros fósseis que revelam a evolução da nossa Galáxia 


Felipe Almeida-Fernandes 

IAG/USP

 

Assim como os arqueólogos são capazes de estudar o passado através dos registros fósseis que encontram, também podemos estudar a história evolutiva da nossa Galáxia através das propriedades conservadas nas estrelas. As abundâncias químicas mensuradas na atmosfera das estrelas são um reflexo das abundâncias do gás do meio interestelar que as formou, e os seus movimentos observados hoje são o resultado da evolução dinâmica da Galáxia. Conhecendo a idade das estrelas, podemos construir uma linha do tempo que nos mostra como as propriedades globais da Galáxia evoluem. Nesta palestra mostrarei como medimos estas diferentes propriedades das estrelas, que nos permitem tratá-las como registros fósseis no estudo da Arqueologia Galáctica, e o que nós já fomos capazes de aprender com isso.