Mestrado: Análise qualitativa de uma sequência didática (SD): Ensino de Astrofísica Estelar para alunos do Ensino Médio

Data: 
08/10/2020 - 10:00
Local: 
Transmissão online


Defesa de dissertação de mestrado
Aluno: Karina Brasil Neves
Programa: Mestrado Profissional em Ensino de Astronomia
Título: “Análise qualitativa de uma sequência didática (SD): Ensino de Astrofísica Estelar para alunos do Ensino Médio”

Comissão Julgadora:
Prof. Dr. Jorge Ernesto Horvath – MPEA-IAG/USP – por videoconferência
Profa. Dra. Laura Paulucci Marinho - Universidade Federal do ABC – por videoconferência
Prof. Dr. Rodolfo Valentim da Costa Lima- ICAQF/UNIFESP – por videoconferência
 
 
 
Resumo:
O presente trabalho visa apresentar um desenho de uma proposta de Sequência Didática (SD), onde utilizamos análises qualitativas acompanhadas de discussões para redesenhar iterativamente a SD. O assunto proposto, teve por objetivo introduzir uma sequência didática utilizando conceitos físicos básicos, apresentando a Física Quântica e outros ramos importantes (Termodinâmica, Eletromagnetismo, Propriedades da luz, etc) para a exploração do ensino de Astrofísica estelar para os alunos do Ensino Médio. O projeto se desenvolveu a partir da realização de 28 aulas aplicadas para 4 alunas da segunda série do Ensino Médio, em uma escola pública no interior de São Paulo. Os temas das aulas se relacionaram com a estrutura da matéria (explorando historicamente o processo de construção de modelos da estrutura atômica); as estrelas e suas propriedades, apresentando e discutindo a origem da luminosidade das estrelas, determinando o brilho e sua temperatura, finalizando na construção do diagrama de cor versus magnitude absoluta das estrelas; ciclos da vida estelar (explorando o nascimento das estrelas, sua evolução e sua morte compreendendo o ciclo da vida estelar através do aprofundamento de sua estrutura interna e suas mudanças no tempo). Todas as atividades foram realizadas através de SD onde foi trabalhada a habilidade a ser desenvolvida, utilizando os seguintes recursos: lousa digital para a explicação em slides; utilização de simuladores, diários de bordo e exercícios, além de anotações, sendo a pesquisadora a própria professora da turma. Ao início das aulas, eram propostas aos alunos questões iniciais para despertar a curiosidade sobre o assunto. O aprendizado foi analisado através da evolução conceitual desses alunos ao longo das aulas. Mostramos que estas aulas contribuíram satisfatoriamente para o aprendizado dos alunos, já que os resultados mostraram um progresso significativo. A preocupação com o entendimento do conteúdo levaram os alunos para uma apresentação final para a comunidade conhecida como “Culminância”, onde ficou claro a existência de resultados positivos.
Palavras-chave: Ensino de Astrofísica, Ensino Integral, Sequência Didática.