Influência das variáveis meteorológicas e poluentes atmosféricos na morbidade hospitalar por doenças cardiovasculares e respiratórias no município de São Paulo

 

Autor: 
Alberto Afonso Júnior
Informações Gerais
Departamento: 
meteorologia
tipo: 
Mestrado
Data da Defesa: 
2016
Palavras-chave: 
Poluição atmosférica. Variáveis meteorológicas. Doenças cardiovasculares e respiratórias.
Orientadores
Orientador: 
Fabio Luiz Teixeira Gonçalves

 Vários estudos ligados à relação entre variáveis meteorológicas, poluentes atmosféricos e internações ou mortes por doenças ligadas aos aparelhos respiratório e circulatório têm sido desenvolvidos no mundo todo. Estudos indicam que poluentes atmosféricos e variáveis meteorológicas são uma das principais causas das internações hospitalares por doenças cardiovasculares e respiratórias, principalmente de crianças (DRSPC) e idosos (DCDVI e DRSPI). Neste sentido, este trabalho teve como objetivo principal, analisar as possíveis causas das internações ocorridas entre os anos 2004 e 2013 no município de São Paulo, recorrendo para isso a Análise de Componentes Principais (ACP) e Estudo de Casos, cuja seleção consistiu nas internações iguais ou superiores a ± 5

AnexoTamanho
d_alberto_a_junior_corrigida.pdf6.44 MB